jusbrasil.com.br
16 de Dezembro de 2017
    Adicione tópicos

    Em sessão do Congresso, Eunício confirma validade de votação de relatórios setoriais pela CMO

    Senado
    Publicado por Senado
    há 10 dias

    Na abertura da sessão do Congresso, nesta quarta-feira (6), para votar vetos e projetos de lei de créditos orçamentários, o presidente do Senado, Eunício Oliveira, indeferiu questão de ordem do deputado André Figueiredo (PDT-CE), que questionou o funcionamento concomitante da Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO) e do plenário da Câmara dos Deputados na noite da terça–feira (5).

    A CMO, ocorrida entre a noite de terça e a madrugada desta quarta, aprovou 16 relatórios setoriais da proposta orçamentária (PLN 20/2017). A deliberação ocorreu no mesmo momento em que ocorria a ordem do dia da Câmara dos Deputados.

    O regimento interno da Câmara proíbe que as comissões funcionem durante as votações do Plenário (artigo 46), independente de as sessões serem ordinárias ou extraordinárias — a desta terça, que aprovou a Medida Provisória 795/2017, foi extraordinária. Já o Regimento Interno do Senado proíbe as comissões de se reunirem apenas durante as sessões ordinárias da Casa (art. 107).

    Foi com base nas normas do Senado, que o presidente do Congresso negou a questão de ordem e considerou válida a reunião da CMO, referendando seu resultado.

    A Comissão Mista de Orçamento, formada por deputados e senadores, é orientada pela Resolução 1/2006 e pelo Regimento Comum do Congresso, mas usa subsidiariamente as regras do Senado e da Câmara, nesta ordem, nos casos de omissão.

    Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)