jusbrasil.com.br
20 de Novembro de 2018
    Adicione tópicos

    Audiência da CMO com ministro do Planejamento é adiada para terça-feira

    Senado
    Publicado por Senado
    há 12 dias

    A audiência pública do ministro do Planejamento Esteves Pedro Colnago Jr. na Comissão Mista do Orçamento foi adiada desta quinta-feira (8) para a próxima terça-feira (13), às 16h. Dois fatores pesaram para o adiamento: o baixo quórum de deputados e senadores e a reunião que o ministro terá com a equipe econômica de transição do futuro presidente Jair Bolsonaro ainda nesta semana. Segundo o relator do Projeto de Lei Orçamentária Anual de 2019 (PLN 27/2018), senador Waldemir Moka (MDB-MS), houve um entendimento para o adiamento:

    — O adiamento foi decidido de comum acordo pelo ministro e os integrantes da comissão.

    Além disso, há uma expectativa com a publicação nesta sexta-feira (9) do relatório de emendas ao Projeto do Orçamento, cujo prazo de apresentação se encerrou nesta quinta-feira. Somente a área social está debatendo o “des-condicionamento” de mais de R$ 45 bilhões em programas assistências como o Bolsa Família.

    Os parlamentares preferem estar com todas as informações sobre as emendas e as propostas do novo presidente para debaterem com o ministro do Panejamento atual.

    O ministro Esteves Colnago Jr. admitiu a possibilidade de incluir propostas do novo governo eleito no atual projeto de Orçamento, inclusive levando em consideração a reforma ministerial, mas precisa de uma solicitação formal da equipe de transição:

    — A gente entende que poderia encaminhar um novo orçamento ou alterações, já contemplando a nova estrutura dos ministérios. Mas ainda precisamos conversar com a equipe de transição sobre isso.

    A Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2019 (LDO, Lei 13.707/2018) permite que o novo presidente faça os remanejamentos necessários no próximo ano, por decreto, para adequar a lei orçamentária à reorganização administrativa.

    com informações da Agência Câmara

    Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)